• Home
  • Blog
  • Análise de franqueabilidade: por que é um processo fundamental?
Análise de franqueabilidade: por que é um processo fundamental?

Análise de franqueabilidade: por que é um processo fundamental?

Chegou a hora de expandir os horizontes e investir no crescimento da empresa? Se o caminho escolhido for a atração e captação de franqueados, o processo deve começar pela análise de franqueabilidade.

O modelo, de fato, se mostra viável e vantajoso para os empreendedores que buscam por maior estabilidade. Entretanto, o planejamento eficiente é o que vai indicar a hora certa de expor sua marca — que precisará ter credibilidade, posicionamento de mercado definido, além de ser bem estruturada financeiramente.

Neste texto, vamos falar mais sobre a análise de franqueabilidade e os passos para começar a colocar seu planejamento em prática. Acompanhe e boa leitura!

O que é a análise de franqueabilidade?

É o estudo analítico que apontará o diagnóstico certo para a empresa que pretende se multiplicar, determinando se o negócio é potencialmente franqueável e a sua capacidade de atender aos franqueados de forma eficiente.

Todos os detalhes são pontuados nessa etapa. Marketing, investimentos, planejamento estratégico e de gestão, treinamento e demonstração de know how aos possíveis interessados são alguns dos pontos mais importantes.

A seguir, veja outros aspectos fundamentais que a empresa precisa estar atenta para que tudo corra conforme o planejado.

Potencial de vendas

Analisar a concorrência é crítico para quem quer evidenciar as diferenciações de mercado. O potencial de vendas pode ser estimado a partir dos números apurados pela empresa, e será atingido ao máximo se determinadas medidas forem estabelecidas, tais como:

  • pontos de venda estratégicos;
  • lojas compatíveis com a expectativa do público;
  • atendimento impecável;
  • estoque atual e diversificado;
  • pós-venda dedicado.

Estrutura do empreendimento

Coloque-se no lugar de quem procura uma franquia na qual investir. É claro que a estrutura e organização da empresa serão um dos primeiros detalhes que observará, certo?

Os franqueados se comportam dessa mesma maneira, depositando mais confiança em empresas bem estruturadas, capazes de produzir, entregar resultados de alta performance e que se preocupam com as inovações tecnológicas e de mercado.

Serviços e produtos oferecidos

O desafio de todo joalheiro é produzir com qualidade e cumprir prazos. A franquia, por sua vez, garante peças de design exclusivo, feitas com maquinário moderno. Assim, é possível reduzir o tempo de fabricação e cumprir os prazos estabelecidos, para que o gerente possa dedicar-se ao treinamento de seus colaboradores e à boa administração da loja.

Principalmente para o setor de joalheria de alto padrão, em que há muita exigência por parte dos clientes, a experiência de compra proporcionada se mostra decisiva para quem busca fidelizar o público-alvo.

Modelo financeiro

A forma como a empresa organiza suas finanças reflete diretamente na recepção do mercado ao processo de franqueamento. Todo o capital que será investido na transição deve ser apontado e evidenciado aos franqueados, para obter um melhor panorama sobre margem de lucros e despesas.

A análise de franqueabilidade pode ser a porta de entrada para a atuação da sua marca em diferentes locais e, consequentemente, sua expansão, aumento de faturamento e produtividade. Porém, tenha a certeza do retorno positivo para todos que aceitarem investir em seu negócio.

Se você pretende transformar o seu empreendimento, leia também este artigo sobre franquias de joalheria para ficar por dentro do assunto. Até a próxima!

  • Catalogo
    e-book GRÁTIS
    Por que confiar a Bautz a produção das suas Jóias?