• Home
  • Blog
  • Alianças em ouro rosé: a tendência no setor de joalheria
Alianças em ouro rosé

Alianças em ouro rosé: a tendência no setor de joalheria

Uma tendência forte no mundo da moda, o ouro rosé — ou rosé gold — veio com tudo nas peças de joalheria. Pulseiras, relógios, brincos, anéis e principalmente aliança de ouro rosé têm feito muito sucesso entre pessoas dos mais variados gostos.

Com a mesma qualidade e sofisticação dos tipos tradicionais de ouro, as alianças de ouro rosé têm sido muito requeridas entre os casais mais jovens e aqueles que gostam de fugir do clássico.

Não dá para deixar de reconhecer a forte procura por alianças nessa tonalidade, não é mesmo? Então, é claro que elas não podem faltar no seu empreendimento.

Quer saber mais sobre aliança de ouro rosé e por que deve vendê-la em sua joalheria? É só continuar a leitura deste post!

Como surgiu o ouro rosé?

Muita gente faz essa pergunta por achar o ouro na cor rosada um pouco exótico. Então, vale ressaltar que ele apareceu pela primeira vez na Idade Média, apesar de não ter ficado muito popular naquela época.

Surgido por acaso, o ouro rosé foi fruto de reações químicas das diversas experiências realizadas pelos alquimistas. Com o tempo, a “descoberta” teve mais êxito na Rússia, já nos meados do século XIX.

Conhecido como “ouro russo”, o ouro rosé passou, assim, a ser usado na confecção de joias e também em alianças de casamento. Ele ganhou notoriedade a partir dos anos 1920 e é usado até hoje, por ser uma boa alternativa aos já tradicionais tons do metal.

Esse tipo de ouro é formado por uma liga de 75% de ouro, 1/3 de prata e 2/3 de cobre. A mistura de prata e cobre é o que dá o tom rosado. No entanto, o ouro rosé possui a mesma pureza do amarelo e do branco.

O tom rose gold também começou a fazer sucesso nas joalherias por ser uma variação do Rosé Quartz, considerada pela Pantone a cor de 2016. A tendência fez tanto sucesso que o Quartz continua sendo muito usado em roupas e acessórios até hoje, incluindo joias e alianças.

Por falar em tendência, vale ressaltar que a cor de 2018 para a Pantone é a Ultra Violet, que também combina bastante com o ouro rosado.

Quais os benefícios de escolher uma aliança de ouro rosé?

Você recebe casais em sua joalheira querendo algo único que sele e eternize a sua união? Quando começa a mostrar as opções clássicas de alianças, eles dizem que querem algo mais original?

O principal benefício de investir na aliança de ouro rosé é ter uma carta na manga para oferecer aos seus clientes. Com certeza, eles vão se interessar pela novidade — que nem é muita novidade assim, como vimos na história do metal!

Além de ter a mesma pureza do ouro amarelo e do branco — que possuem a composição de 75% de ouro e 25% de outros metais —, o ouro rosé é um tipo diferenciado, que proporciona aos clientes uma aliança mais romântica e ao mesmo tempo moderna e fora do tradicional.

Assim como toda joia merece cuidados, a manutenção da aliança de ouro rosé é bem simples: apenas polimentos ocasionais, sendo mais vantajosas que as peças de ouro branco, que carecem de mais atenção.

Outro benefício indiscutível da aliança de ouro rosé é a discrição. Muitos casais consideram o ouro amarelo muito chamativo, enquanto a variação rosa pode ser usada no seu cotidiano sem chamar olhares indevidos — além de ser mais fácil de combinar com roupas e outros acessórios.

O ouro rosé possui variações?

Graças ao cobre, que dá a coloração rosada à peça, a aliança de ouro rosé possui uma ampla gama de tons rose gold, passando do mais claro ao mais intenso e avermelhado.

Por essa grande variação da mesma cor, os modelos harmonizam com diversos tipos de pedras. É justamente por causa disso que a aliança de ouro rosé possibilita tantas combinações, como veremos a seguir.

Combinações com pedras preciosas

A sutileza da tonalidade rosada dessa opção de ouro é perfeita para não só combinar peças, como para otimizar a aparência das joias. No caso dos diamantes, essa harmonização é bastante visível, uma vez que valoriza o brilho das pedras.

No caso de gemas coloridas, como as azuladas topázio e safira ou as esverdeadas como a esmeralda, a combinação é certa. Pedras avermelhadas como o rubi também casam bem com o rose gold, intensificando seu brilho e sua cor.

Combinações com outros tons de ouro

Nem só com pedras preciosas é possível combinar o ouro rosé. Também é uma ótima ideia mesclá-lo com outros tons de ouro na aliança.

Com essa possibilidade, a personalização da joia oferece muito mais originalidade para quem procura algo singular para selar um compromisso. Sabendo dosar a quantidade de ouro branco, amarelo e rosa, modelos únicos surgem como tendência e diferencial para sua joalheria.

Designs diferenciados

Ao mesclar tons diferentes de ouro ou incluir pedras preciosas, já vimos que é possível oferecer uma gama de possibilidades para os clientes.

Todos esses, no entanto, acabam ajudando na criação de designs diferenciados e sofisticados, que podem se tornar a marca registrada do seu negócio. Já pensou nisso?

Aliança de ouro rosé combina com quais tons de pele?

Apesar de ser um produto em alta, a aliança de ouro rosé incita algumas dúvidas nos clientes no momento da escolha. A maior delas é com relação ao tom de pele — se vai combinar ou não.

Já sabemos que alguns metais e pedras combinam mais com uma tonalidade de pele, enquanto outros combinam mais com outra. Nesse caso, o primeiro passo é identificar a classificação da pele do seu cliente, que pode ser tanto fria quanto quente.

Como fazer isso? É simples. Geralmente, a pessoa que tem tom de pele frio é aquela em que as veias do pulso são mais azuladas. Já as pessoas que têm as veias mais esverdeadas, são tonalizadas como quentes.

No caso das alianças de ouro rosé, ela fica bem em todos os tons de pele. Contudo, morenas e negras valorizam ainda mais a joia, pois evidenciam a cor da aliança. Os tons quentes de pele, no caso, são os que mais destacam o metal rose gold e até mesmo o clássico amarelo.

Foi-se o tempo em que alianças de compromisso e de noivado tinham que ser brancas ou amarelas. O rosé aparece como uma opção diferenciada para seus clientes. Se o casal deseja uma aliança de compromisso, não hesite em ofertar modelos de ouro rosé.

Sofisticadas, modernas e, ao mesmo tempo, com um ar romântico e retrô, você agora já sabe que a aliança de ouro rosé deve fazer parte do seu catálogo de produtos.

Apesar de mais procuradas por casais jovens, não vai demorar muito para virarem também um clássico entre cônjuges de longa data.

Gostou de saber um pouco mais sobre aliança de ouro rose? Então compartilhe este post nas suas redes sociais para que mais pessoas e casais adotem essa tendência!

  • Catalogo
    e-book GRÁTIS
    Por que confiar a Bautz a produção das suas Jóias?